Postagens

Mostrando postagens de 2017

10 REGRAS DOS JAPONESES PARA VIVER BEM ATÉ OS 100 ANOS

Imagem
10 Regras dos Japoneses para viver bem até os 100 anos Os autores de um novo livro decidiram conhecer as pessoas mais velhas do planeta para desvendar os segredos de uma vida longa, saudável e feliz. Eis os mandamentos dos japoneses centenários. No sul do Japão existe uma ilha onde os habitantes vivem mais tempo do que as pessoas que habitam qualquer outro lugar do mundo. Chama-se Okinawa e, especialmente a norte da ilha, o número de centenários por cada 100 mil habitantes é superior à média mundial. “Supercentenários” que alcançam o maior índice de longevidade do mundo e ultrapassam os 110 anos de idade. Qual é o segredo da população de Okinawa? Como é que os centenários japoneses vivem mais tempo e felizes até ao fim dos seus dias? Duas perguntas que Héctor Garcia e Francesc Miralles decidiram responder no livro Ikigai — Viva bem até aos cem (Albatroz). Não deixava de nos maravilhar o facto de este refúgio da vida quase eterna se encontrar justamente em Okinawa, onde se perderam 200 mil…

DOENÇA DE PARKINSON E ALZHEIMER : A TRISTE ORIGEM DO MAL

Imagem
Doença de Parkinson e Alzheimer: a triste origem do “Mal”
01/09/2017Mário Lucena Em março de 2017, ao apresentarmos no Portal do Envelhecimento o livro “Tentativas de Fazer Algo da Vida”, criticamos duramente a tradução brasileira por usar e abusar do termo Mal de Alzheimer.
A palavra “Mal” em substituição a Doença, surgiu no Brasil associada a Parkinson. No livro Alzheimer, Identificar, Cuidar, Estimular, Práticas e Atividades para se Aplicar no Dia a Dia, temos um capítulo dedicado a Doença de Parkinson que esclarece a origem do Mal: “O carinho e respeito na minha prática profissional com idosos vieram de uma dor pessoal, meu avô teve a Doença de Parkinson. No mundo, a estimativa é que exista seis milhões de pessoas com Parkinson. No Brasil, a prevalência é de 100/200 casos para cada 100 mil habitantes. A Doença de Parkinson foi descrita em 1817 pelo médico inglês James Parkinson que publicou um artigo sobre uma doença batizada por ele de “paralisia agitante”. Outro médico, o francês Ch…

DESCUBRA O QUE OS ÓLEOS ESSENCIAIS PODEM FAZER PARA O SEU CORPO E SUA SAÚDE

Imagem
10 óleos essenciais bons para o corpo e para a saúde (Foto: Thinkstock)10 óleos essenciais bons para o corpo e para a saúdeAlém de hidratar a pele, alguns combatem a dor de cabeça e ajudam na concentraçãoCom o friozinho do inverno, osóleossão cada vez mais usados para cuidar da pele e deixá-la macia e hidratada. Além de ter vários benefícios para a beleza, alguns aromas têm propriedades funcionais, cuidando também da saúde. Conversamos com a especialista em desenvolvimento de aromas Nathalia Carravetta, da L’eponge, que nos apresentou 10 óleos essenciais com efeitos funcionais. Já para o banho!
1- Bergamota: topicamente, ajuda na melhora de acnes. Seu aroma controla o apetite e combate a depressão.

2- Eucalipto: promove a limpeza das vias respiratórias, atuando na melhora de problemas como asma, bronquite, entre outros.
3- Amêndoa: tem poder hidratante e emoliente. Seu aroma estimula o sistema digestivo. 4- Aloe Vera: além de auxiliar na eliminação de toxinas, é calmante e auxilia no comb…

A FARSA DO COLESTEROL - TEXTO E DOCUMENTÁRIO EM VÍDEO

Imagem
Teste de Colesterol: dedo de um homem é picado para testar o nível de colesterol em seu sangue (Rick Gershon / Getty Images) A farsa do colesterol – Parte 1PoremSaúde - Medicina Para a grande maioria das pessoas, a dieta não tem efeito significativo sobre os níveis de colesterol no sangue. Os níveis de colesterol no sangue têm muito pouca relação com a doença coronária. Estes fatos são contrários a tudo o que você já ouviu. São quase impossíveis de acreditar, mas são verdadeiros. O paradigma do colesterol é dogma – praticamente uma religião. Uma grande mentira que penetrou profundamente no subconsciente de nossa nação. Nós não sabemos o que causa doenças do coração. Porém, sabemos o que não causa, e uma delas é o colesterol. Os médicos aprenderam sobre o colesterol da mesma forma que nós: por meio da mídia, jornais, revistas, televisão, e as várias revistas médicas. Eles não sabem todos os fatos. Temos sido inundados com uma onda de exageros, distorções e até mesmo deturpação …